top of page
Ativo 8.png
2013 - 2016

Case CBR - Colégio Brasileiro de Radiologia: desenvolver identidade simbólica e provocativa do 51º Congresso Brasileiro de Radiologia de forma a representar a diversidade e inclusão

Especialidade

_ Lorem ipsum phasellus praesent
_ Lorem ipsum phasellus praesent
_ Lorem ipsum phasellus praesent

Resultado

Lorem ipsum amet consectetur class vulputate mollis a ligula, sollicitudin class venenatis habitant fames rhoncus velit morbi dictum, aliquam arcu leo ornare erat tincidunt diam. etiam torquent ultricies curae nulla tincidunt augue quisque lorem luctus purus, sit duis posuere sed libero eu in aptent morbi taciti mi, cursus malesuada non nisl pretium sapien inceptos dictum nulla. ornare vestibulum purus condimentum proin imperdiet adipiscing mattis libero tellus sollicitudin integer at malesuada massa. 

KV_v02.png

Desde o 49˚ Congresso Brasileiro (2020), que a  diretoria do Colégio Brasileiro de Radiologia (CBR), orientada pela Nômade, iniciou uma renovação do seu evento e passou a dedicar temas específicos, com identidades exclusivas para cada nova edição.

Em 2022, a intenção foi marcar o encerramento do ciclo da Dra. Luciana Costa à frente da CBR, primeira diretora mulher da instituição. Diversidade, Equidade e Inclusão (DE&I) foi a temática escolhida, de forma muito consistente e corajosa pela Diretoria Científica, que então nos desafiou com a missão de criar sua identidade original. Observamos com quem estaríamos nos comunicando, e identificamos nosso público, não apenas os médicos(as), mas os(as) residentes, os(as) estudantes e as marcas expositoras.

 

Após pesquisas e análises, notamos que na comunidade científica, examinar dados é fundamental e para radiologistas, interpretar imagens é uma ação primordial e cotidiana. Então, vimos essas informações como a solução para representar o assunto deste ano.

Desafio

Como desenvolver uma identidade visual para um dos principais congressos médico-científicos do país? Como trabalhar a metáfora da análise da imagem enquanto dispositivo de transformação social em uma profissão majoritariamente ocupada por pessoas do gênero masculino e muito centralizada na região sudeste do país?

 

Em meio a uma revolução tecnológica profunda e contínua, existe uma significativa demanda por maior atenção aos padrões sociais que foram construídos ao longo dos anos. A evolução na capacidade e velocidade do processamento de dados pede uma revisão na forma como os interpretamos, ou mesmo o que analisamos.

Estes questionamentos foram os principais norteadores para o time Nômade desenvolver uma identidade visual e estratégica para CBR em que a mensagem de diversidade e inclusão fosse central.

O projeto

Ativo 6.png

O projeto do 51˚ Congresso Brasileiro recebeu o nome de  "Um Olhar Mais Atento" e conquistou um espaço que foi muito além de criar a identidade visual do evento, mas criar de fato, uma identidade simbólica e uma provocação para todos olharem os dados de uma forma diferente. Para essa representação, a equipe Nômade reuniu uma base de dados disponível dos anos de 2011, 2016 e 2021 com o propósito de criar uma linha do tempo em relação a residentes médicos de radiologia, congressistas e palestrantes em termos de geografia, gênero e geração.

 

Com estes dados, foram desenvolvidos 3 gráficos circulares com formas fluídas baseados no desenho de um olho, com a intenção de fortalecer o conceito "Um Olhar Mais Atento". As artes desenvolvidas vão estar inseridas no espaço do congresso dedicado ao "Data Art Expo", trazendo a legenda de cada uma inspiradas em como são apresentadas as descrições de obras em exposições de arte em museus. Este projeto traz a diversidade, a equidade e a inclusão como temas centrais e uma nova forma de olhar para os dados. Ludicidade embasada na história e uma visualidade dotada de intenções para uma discussão atenta e sensível.

CBR2201.jpg
Ativo 8.png
CBR22-01.jpg
Project Results
According to Mercur employee and project coordinator, Silda Santos, the contribution was significant, with emphasis on the design of the digital platform and the contribution of concepts that instigated discoveries for the industry to act in a network.
Operating since 1924, this was a unique and differentiated experience for Mercur with a direct relationship with the final public. Until then, the rubber-derived artifacts industry headquartered in Santa Cruz do Sul (RS) had closer contact with retailers and product resellers. As a result of the project, the organization opened up into a network, finding new ways and tools to relate to the community and co-create relevant solutions.

Diversidade na Rua continues with an ever-increasing network of people and continues to bring innovations to Mercur. Estúdio Nômade collaborated with the initiative from its inception, in 2013, until 2016. From the initial action, developments emerged, and the partnership of the two companies continues in other projects.
Ativo 6.png

Want to know more details 
of this project?

bottom of page